domingo, 28 de agosto de 2016

sexta-feira, 26 de agosto de 2016

Sintra: Procissão de Nossa Senhora ao Mar leva peregrinos à Praia da Maçãs

Sintra, Lisboa, 23 ago 2016 (Ecclesia) – A Praia das Maçãs, em Colares (Patriarcado de Lisboa), vai acolher este domingo a procissão que leva ao oceano a imagem da Virgem Maria após a Eucaristia celebrada na capelinha local.

A festa de ‘Nossa Senhora da Praia’ começa com a Missa festiva na capelinha da Praia das Maças, este domingo, pelas 16h00, em Colares, Sintra, e depois a procissão, cuja tradição foi “iniciada em 1896”, ruma com os nove andores, transportados por voluntários, até ao oceano onde esperam o “lançamento de pétalas de rosa, vindas do céu”.

Um comunicado enviado à Agência ECCLESIA informa que, todos os anos, a manifestação religiosa popular “recebe a visita de milhares de pessoas” que acompanham as imagens de Nossa Senhora da Praia; a de Nossa Senhora dos Mares, da aldeia das Azenhas do Mar e de Nossa Senhora do Carmo, que é a padroeira dos surfistas da Praia das Maçãs.

Também tomam parte na procissão andores com a imagem de S. Marçal, padroeiro dos Bombeiros Voluntários, do Menino Jesus, de Nossa Senhora de Fátima e de São José e ainda do Sagrado Coração de Jesus e de Santo António de Lisboa.

Seis militares da Guarda Nacional Republicana a cavalo são a cabeça da procissão que é acompanhada pela Banda Filarmónica do Mucifal e a Banda dos Bombeiros Voluntários de Colares.

A celebração remonta a 1896, na “sequência da construção de uma ermida por Alfredo Keil”, “certamente inspirado” pela lenda, segundo a qual, encontraram uma imagem de Nossa Senhora junto às rochas da Praia das Maçãs.

Depois da morte do autor da música do Hino Nacional de Portugal a festa foi retomada há 30 anos, primeiro por moradores e veraneantes e, agora, é dinamizada pela Irmandade de Nossa Senhora da Praia.

Atualmente, a procissão de ‘Nossa Senhora da Praia’ é “um motivo de grande atração para a população local e visitantes de vários pontos do País”, assinala o comunicado.

CB

terça-feira, 16 de agosto de 2016

quarta-feira, 10 de agosto de 2016

sexta-feira, 5 de agosto de 2016

“Para mudar o mundo é preciso sair do sofá” (Papa Francisco)

O diálogo improvisado do Papa Francisco com os jovens na Vigília da Jornada Mundial da Juventude em Cravóvia

Existem realidades que nós não entendemos porque as vemos apenas através da tela do celular ou computador.
Alegria de sofá?
Acreditamos que precisamos de um bom sofá para ser felizes. Um sofá que nos ajude a ficar confortáveis, em paz, bem e seguros.
Jesus não é o Senhor do conforto (…). Para seguir Jesus (…) você precisa decidir trocar o sofá por um par de sapatos que ajude a caminhar por estradas nunca imaginadas.
Nós não viemos ao mundo (…) para fazer da vida um sofá que nos ajuder a dormir. Mas o oposto, viemos para fazer a diferença.
Deus espera algo de você. Deus quer algo que venha de você. Deus está esperando por você. Ele quer que suas mãos continuem a construir o mundo de hoje.
Ter a coragem de nos ensinar que é mais fácil construir pontes do que erguer muros!
Façam isso aqui agora. Construam esta ponte inicial dando-se as mãos.
Nossa resposta para este mundo em guerra tem um nome: chama-se fraternidade.
Jesus o convida a deixar para trás os caminhos de separação, divisão e falta de sentido.
Vocês estão prontos?

Sim!